21 de Maio de 2012

AO PASSAR DA RIBEIRINHA - Letras de Música Popular Alentejana





Os olhos requerem olhos
Os corações corações
Também as boas palavras
Requerem boas acções

Ao passar a ribeirinha
Pus o pé, molhei a meia
Pus o pé, molhei a meia
Pus o pé, molhei a meia
Não casei na minha terra
Fui casar, em terra alheia
Fui casar, em terra alheia
Fui casar, em terra alheia
Fui casar, em terra alheia
Por não querer casar na minha
Pus o pé, molhei a meia
Ao passar a ribeirinha


Cravo roxo à janela
É sinal, de casamento
Menina recolha o cravo
Que o casar, tem muito tempo


Ao passar a ribeirinha
Pus o pé, molhei a meia
Etc.



Poderá gostar ainda:

OLHA A NOIVA SE VAI LINDA

NOSSA SENHORA DO Ó

LINDA JOVEM ERA PASTORA

MEU LÍRIO ROXO DO CAMPO


SENHORA D'AIRES

Eu Hei-de Amar Uma Pedra

MALMEQUER CRIADO NO CAMPO

GRÂNDOLA VILA MORENA

Ó Patrão Dê-me Um Cigarro

LEVANTOU-SE O LAVRADOR

BALEISÃO, BALEISÃO

DÁ-ME UMA GOTINHA DE ÁGUA

NÃO QUERO QUE VÁS À MONDA


VAMOS LÁ SAINDO

FOSTE FOSTE QUE BEM SEI QUE FOSTE

CEIFEIRA LINDA CEIFEIRA

FUI COLHER UMA ROMÃ

SOLIDÃO, AI DÃO, AI DÃO

ALENTEJO, ALENTEJO

A VINDA DO REI A BEJA

VAMOS LÁ SAINDO

AI ROMANA

AO PASSAR DA RIBEIRINHA

ALENTEJO ÉS NOSSA TERRA



Mensagens MaisPopulares da Semana